Dushi CURAÇAO além das praias mais lindas do Caribe

ESPORTES AQUÁTICOS

São oferecidos passeios como jet ski, banana boat, ski aquático, tubing, wake boarding, knee boarding, passeios de barco e de kayaki, boiacross e snorkel, além de stand up paddle, kite surf, windsurfe, mergulho e passeio de Aquafari, uma espécie de scooter submerso.

Mergulho: Curaçao é considerado como um dos melhores lugares para mergulhos ou oportunidade para desfrutar da beleza natural marítima ao mesmo tempo que se pratica snorkel. Existem 40 áreas de mergulho e 65 sítios individuais.  Eu utilizei a escola GOBY DIVERS no Veneto Holiday Casino e Hotel e fiz uma aula de atualização com a UMA, que teve muita paciência comigo e ainda me acompanhou no mergulho, já que eu estava sem parceiro. Eu adorei a experiência porque não há necessidade de embarcar, facilitando muito a vida. Da escola mesmo, colocamos o equipamento, entramos na água e, em poucos minutos já estamos mergulhando entre 2 paredões de recife. É o único local que oferece o mergulho entre 2 recifes.

Flyboard: Muito interessante, pois você coloca umas botas que lhe propulsionam no ar e parece que você está flutuando acima da água (foto à direita).

Aquafari: Uma das experiências mais originais do mundo. Com o aquafari é possível observar uma diversidade de belos peixes e coloridos recifes de corais. O equipamento é uma scooter submersível que permite ao visitante criar uma experiência única observando um safári subaquático. Não é necessária nenhuma experiência em mergulho.

Curasub: Uma experiência única. Um equipamento que desce quatro vezes por dia de Bapor Kibra a profundidades inacessíveis para mergulhadores. A bordo, passageiros do submarino fazem uma viagem memorável para lugares onde muito poucas pessoas foram. Os peixes coloridos, corais e naufrágios antigos são perfeitamente visíveis nas águas cristalinas que cercam a ilha. De dentro do Curasub os passageiros tem uma visão clara, com visibilidade de mais de 60 pés (30m).

 

ARQUITETURA HOLANDESA CARIBENHA

Willemstad tem inúmeras construções como monumentos nacionais, que lembram o charme dos pitorescos designs de Amsterdã, com requintadas construções coloniais neerlandesas do século 17 e 18 que não se encontram em lugar algum, com exceção dos Países Baixos.

Enquanto os estilos tradicionais de Willemstad eram modificados para se adaptar à brisa e ao clima seco da ilha, toques caribenhos foram adicionados como varandas, alpendres, arabescos e persianas.

O padrão de cores também foi atualizado, com a introdução de tons fortes e brilhantes, incomuns na pátria-mãe.

Essa casa verde acima fica no bairro de Scharloo. Essas e outras luxuosas residências foram construídas pelos judeus que tinham lojas em Willemstad. E pasmem! Muitos desse judeus se locomoveram do Brasil para lá. Outro bairro tão charmoso quanto é o de Pietermaai, local de agito com ótimos hotéis e restaurantes.

PASSEIOS DIVERSOS:

TOUR: Tour a pé pelo Centro de Willemstad para apreciação da arquitetura e comércio local.

A bela Baía de Santa Anna divide Willemstad em dois grandes distritos: Punda (Leste) e Otrobanda (Oeste). Quando os holandeses capturaram a ilha da Espanha, em 1634, Punda (de “punta”, ou “a ponta” em papiamento/espanhol) nasceu. Os novos líderes passaram a construir um forte, Forte Amsterdã, para proteger seu assentamento e logo a cidade começou a se expandir.

Hoje, o Forte serve como a sede do Governo. Junto aos locais os mercadores neerlandeses protestantes construíram seus conjuntos de escritórios, lojas, armazéns e moradias.
O projeto básico desta área, com suas ruas estreitas e retas, ainda mantém seu formato original.

Otrobanda:

Em 1707, licenças para construção foram expedidas para Otrobanda, “O Outro Lado”. As construções ao longo de Breedestraat, o coração da cidade, eram similares àqueles em Punda, com espaços comerciais no térreo e moradias nos andares superiores. Fora de Breedestraat, um grande bairro residencial foi construído por aqueles ávidos por grandes mansões que refletissem seu status social superior.

Por volta de 1774, Otrobanda já alcançara o tamanho de Punda. Nos séculos 18 e 19, negros livres passaram a migrar para a cidade.

Alguns dos espaçosos terrenos de Otrobanda foram ocupados com moradias mais modestas e pequenas vendas de artesanatos, formando o primeiro bairro e centro urbano de classe trabalhadora da cidade. No século 20, Otrobanda já havia se tornado um grande centro cultural para a classe média negra em ascensão.

Scharloo e Pietermaai: 

A apenas alguns passos de Punda e Otrobanda, está Scharloo e Pietermaai, lar de uma abundância de mansões belamente restauradas. Estes subúrbios históricos estão listados como Patrimônios da Humanidade da UNESCO, junto com Willemstad, comemorando seu valor singular no legado cultural e natural do mundo.

Tropical Paintball: esporte rápido e jogado em nível social e sério por uma grande quantidade de visitantes do mundo inteiro. Algumas empresas oferecem o serviço.

Rif Fort – Construído entre 1828 e 1829, o forte está localizado na Baía de Santa Ana. O Rif Fort surgiu como uma forma de proteger a entrada do local no passado. Hoje, a fortaleza é aberta ao público e conta com boa infraestrutura, oferecendo lojas (foto à esquerda), bares e restaurantes. À noite, o espaço ainda conta com música ao vivo.

Cueva di Hato: Um dos passeios fora dos roteiros que envolvem sol e praia é uma visita ao complexo de cavernas Cueva di Hato, cheio de estalactites, estalagmites e várias formas que flama a imaginação dos turistas. A Cueva di Hato foi formada embaixo do nível do mar há milhões de anos. Na Era do Gelo e o nível da água afundou e surgiu Curaçao. A caverna tem uma área de 4900 metros quadrados e é a casa das famosas formações de calcário, românticas piscinas, cataratas e a conhecida estatua da Madonna (Nossa Senhora). Dentro da caverna há uma colônia de morcegos de nariz cumprido e que comem frutas. Fotos não são permitidas, exceto em espaço com orientação do guia.

Passeio de Buggy: Um dos atrativos existentes na ilha é o passeio de buggy (2h) por diversos pontos de Willemstad oferecido pela empresa Scoobys Tour. O interessado deve possuir Carteira de Motorista na hora de contratar o serviço, caso queira dirigir. Ao final do passeio, todos ficam sujos de poeira.

Parque Shete Boca: O Parque Shete Boca começa na impressionante Boka Tabla, onde grandes ondas atingem uma caverna subterrânea. Os passeios entram nas rochas e o levam diretamente à boca da caverna; Lá pode sentar-se na borda e olhar o fluxo das ondas entrar. Depois de apreciar o interior da caverna, vale a pena caminhar pela lateral para ter uma vista da costa Norte de Curaçao.

Watamula: é o local onde Curaçao se divide entre leste e oeste. Na imagem da esquerda é possível perceber, onde termina o leste (bem onde a água bate com força e se projeta) e onde começa o oeste, com águas mais tranquilas. Na foto à direita, o Watamula Hole, também conhecido como Olho de Curaçao.

 


Fazenda de Avestruzes
: Outro passeio diferenciado em Curaçao é a visita à fazenda de avestruzes com 600 aves. As aves foram levadas para a ilha com o propósito de produção de ovos. Com o manejo, acabaram transformando-se em um atrativo turístico. O passeio dura mais ou menos uma hora. No final todos podem segurar/subir em cima de um ovo da maior ave do mundo. A Fazenda de Avestruzes é a maior criação no Caribe.

Fábrica de Curaçao Blue “ Chobolobo”: A sede da fábrica é um casarão antigo da ilha onde é possível conhecer um pouco da história e produção artesanal do líquido mais famoso da ilha, o Curaçao Blue, além de conhecer o início da história de Curação. A bebida é vendida nas cores: verde, azul, marrom, vermelho e creme.

Plantação de Aloe Vera: Por ser uma ilha com pouca chuva, uma planta que adaptou-se ao clima insular foi a Aloe Vera, mais conhecida como babosa. Um passeio típico é uma visita até a fazenda que cultiva e beneficia a planta. Na loja existem diversos produtos derivados como sabonetes, shampoos e cremes hidratantes.

Mercado Flutuante – Inúmeras embarcações chegam da Venezuela e da Colômbia ao bairro de Punda trazendo uma grande variedade de frutas, vegetais e peixes. Os The Floating Markets, ou mercados flutuantes, são o lugar ideal para comprar alimentos fresquinhos e ainda ver de perto uma antiga tradição da ilha, que ainda existe porque Curaçao não tem capacidade de produzir uma quantidade suficiente de produtos para abastecer turistas e locais.

    

Ponte Flutuante Queen Emma   A Ponte Flutuante Queen Emma é um dos principais cartões postais de Curaçao.

A passagem tem 167 metros de extensão e foi inaugurada em 1888.

É muito gostoso sentar em um bar e ficar aguardando que ela se mova, para que passem pequenas  e, principalmente, grandes embarcações.

O local é perfeito para visitar à noite, quando várias luzes iluminam a construção.

Dinah Veeris Botanic and Historic Garden: Em 1981 Dinah Veeris começou sua pesquisa sobre ervas e tradições entrevistando pessoas idosas para recuperar e preservar os segredos do conhecimento das gerações anteriores. Hoje o local funciona também como um museu a céu aberto.

 

Dinah cultiva mais de 300 espécies de ervas com poderes de cura. Na foto abaixo tem a planta de Aloe Vera e outra de Noni, conhecida por combater de febre a câncer, de inflamação a mal de Alzheimer.
   

Animais: Por toda ilha, você pode encontrar figuras exóticas passeando pela areia. Abaixo, uma Iguana e um Blauw Blauw (pronuncia-se Bló Bló, e significa azul, azul)

Forte Nassau: É o lugar para se estar ao pôr do sol, mesmo que não haja pôr do sol.

A vista é linda e possibilita apreciar Curaçao em 360 graus, permitindo uma visão privilegiada da Ponte Rainha Juliana, uma das mais altas do mundo, com 56 metros acima da baía.

O coração batia mais forte toda vez que subia nela com o carro e ainda contemplava todo o visual de Willemstad.

O happy hour ferve com drinques deliciosos e boa comida a preços razoáveis.

Curaçao Sea Aquarium: O Curaçao Sea Aquarium oferece show com golfinhos, além de uma gigantesca estrutura educativa sobre a vida marinha da região. É o único no mundo com sistema de águas abertas, o que significa que a água do mar é bombeada permanentemente para dentro do aquário.

Animal Encounter: lugar onde é possível nadar e mergulhar com arraias e peixes, além de dar comida para tubarões e tartarugas. Toda a estrutura de piscinas é com água do mar e separada em ambientes, mas com circulação. Os golfinhos não são de cativeiro, mas de alto-mar, ou seja, vão e vem livremente.

Estes 2 últimos merecem um capítulo à parte. Leia mais na página seguinte

Facebooktwittergoogle_plusmail

About Dina Barile

Recebi o título de Doutora em Viajologia, depois de viajar por 127 países e pisar em todos os continentes.

Sou a primeira e única mulher brasileira a ter estado na ESTRATOSFERA.

Experimentei a Culinária de todos os países por onde passei.

Expert nos temas Turismo, Gastronomia e Beleza, convido todos os leitores para um Passeio Turístico e Gastronômico por todos os Continentes.

78 comments

  1. Joceli Marcos Ataydes

    Que fantástica reportagem. Me deixou com água na boca. Sem dúvida entrou no meu radar como roteiro de viagens a fazer. Não se pode prescindir de lugar tão maravilhoso, é um pecado.

  2. Que lugar maravilhoso, matéria completa! Adorável!

  3. Fiquei encantada.
    Parabéns!!!!!!!
    Que lugar lindo.

  4. Muito lindo.
    Bela matéria.
    Parabéns!!!!!

  5. Luiz Gonzaga Tessarine

    Duchi Curaçao…
    Duchi reportagem.
    Maravilha!
    Maravilhas que ficarão para ver de perto e poder tocar.
    Valeu!

  6. Luiz Gonzaga Tessarine

    Your comment is awaiting moderation.
    Duchi Curaçao…
    Duchi reportagem.
    Maravilha!
    Maravilhas que ficarão para ver de perto e poder tocar.
    Valeu!

  7. Vera Regina Ramos Soares

    Já tinha lido, mas não resisti e li novamente, matéria maravilhosa feita por Dina Barile, parabéns, vou ter que conhecer este lugar lindo demais!

  8. Ótima e completíssima reportagem sobre Curaçao, abrangendo todas as variáveis. Meus parabéns.

  9. Nossa que lugar maravilhoso!!!! Bela matéria está de parabéns

  10. Parabéns Dina, excelente reportagem e o lugar também é maravilhoso, continue assim.

  11. Eliana jodas cioruci

    Maravilha..quero ir

  12. Belíssima reportagem !!!
    O local me chamou a atenção, um sonho !!!

  13. angebas@uol.com.br
    Fiquei impressionada. Obrigada por me ajudar a decidir sobre as próximas vacaciones.

  14. Excelente matéria…..rico em detalhes…das belezas naturais….das belíssimas praias….das atrações diversas….de importantes infiltrações de acesso e até do conforto da acomodação…que nos proporciona uma viagem virtual….parabéns….sem dúvida isto requer uma visita real a este paraíso ..

    • Mikio, obrigada pelo comentário.
      Vc tem que conhecer, sem dúvida e depois me contar como foi. Tenho certeza que, apesar de ter visto as fotos, vc vai se impressionar ainda mais, quando estiver lá.
      Boa viagem!

  15. Tudo lindo, adorei, ótima oportunidade para mergulhar, adoro.

    • Cássia, obrigada pelo comentário.
      Eu adorei mergulhar lá, porque em alguns locais, vc não precisa embarcar para mergulhar. Da praia mesmo, vc entra andando e pronto. Já encontrou um local ótimo para mergulhar.
      Boa viagem.

  16. Maria Fernanda Pires de Oliveira

    Amo o Caribe e ainda não conheço Curaçao, que com certeza, depois dessa reportagem tão abrangente, fará parte de minhas programações futuras.

  17. Que maravilha de água!!!! Eu quero!!

  18. Parabéns querida Dina, que lindas praias!! Quero curtir tudo isso também, beijo no coração.

  19. Maria Helena Vassoler

    Amo viajar e ainda não conheço essa região do Caribe, pretendo em breve poder usar todas as referências da Dina que como sempre estão fantásticas.

  20. Maravilha de lugar….deu vontade de conhecer

  21. Maravilha de lugar….deu vontade de conhecer…bela reportagem

  22. Finalmente uma matéria bem completa sobre o assunto! Agora já sei onde devo viajar.

  23. Adorei a reportagem, Dina! Vou colocar este adorável país na lista para férias futuras. E também para morar, porque deve ser um verdadeiro paraíso!

  24. Uau!!! Que lindo. Deu muita vontade de conhecer.

  25. Muito boa essa reportagem. Fiquei com muita vontade de conhecer o lugar. Parabéns!

  26. Gostaria muito de conhecer Curaçao,mesmo porque minha irmã Val mora nessa ????? trabalha no suncape resort hotel.esse lugar é o sonho de muitos.

    • Maria Odete, obrigada pelo comentário. Demorou! Vc deveria ir todo ano para lá. Que coincidência. No fim da matéria eu faço um agradecimento a VAL, pq ela foi muito atenciosa e preocupada comigo. Vá o mais rápido que puder. Sua irmã vai lhe fazer conhecer tudo de bom. Boa viagem.

  27. fantástico! Eu pensava em conhecer a região e não sabia muitos detalhes… agora sei! Bella reportagem! Já coloquei na minha lista de desejos.

  28. que lugar maravilhoso, legal ter visto esta reportagem, já para onde irei na próxima viagem

  29. Excelente matéria! É o lugar é maravilhoso! Parabéns

  30. Já estivemos em Curaçao. É realmente um lugar muito lindo. A sua descrição é perfeita.

  31. Dina, reportagem maravilhosa. Adorei. Bjs.

  32. Dina Barile, além de especialista em nos deixar com água na boca com suas reportagens e seus artigos, é uma pessoa admirável, simpática, alegre e inteligente, filha de uma famosa gourmet, em especialidades da cozinha do Mediterrâneo.

    • Adorei, Zé. Vc é muito criativo. Devia ter um blog só pra vc. Vamos pra Curaçao, eu, minha mãe especialista em cozinha mediterrânea, o RICA e Giannina e todos da sua família? Obrigada pelo seu comentário.

  33. Lindíssima reportagem, parabéns . Bjs

  34. Magnifica reportagem. Estive lá em julho passado e pude constatar tudo que voce disse na sua reportagem. Como fui com toda a familia fiquei hospedada num resort all inclusive que também recomendo. Não conheci todas as praias que voce conheceu apenas duas além da do hotel. Esta fui a segunda vez que fui à Curação e voltarei muitas vezes pois pela sua reportagem constatei que ainda falta muito para conhecer bem aquele paraíso. Obrigada por tantas dicas. Beijos e parabéns

  35. Parabéns pela matéria enriquecedora! Fiquei com muita vontade de conhecer Curaçao. Já está na minha lista!

  36. Dina que espetáculo ! Belíssima matéria Parabéns ! Quero ver de perto essas praias de cor turquesa! Amei as dicas!

  37. Materia fantástica!
    Parabens.

  38. Parabéns, pela excelente reportagem. Que vontade de conhecer esse lugar maravilhoso e principalmente ter esse contato com os golfinhos.

  39. Aurea Maria de Biasi

    Adorei sua reportagem. Fiquei muito entusiasmada para conhecer Curaçao com essas maravilhosas praias. Já estive em outros lugares do Caribe e gostei muito. Vou guardar sua reportagem para me orientar quando puder curtir essas lindas praias. Aurea

  40. Linda matéria. Bem informativa

  41. ESPERANZA PIZZOLANTE

    Reportagem simplesmente MARAVILHOSA!!!!
    Fiquei encantada com tudo o que nos mostrou….
    Terei que ir pessoalmente à este lugar encantador para também sentir emoções como vc viveu, Dina Barile!!!!
    Parabéns por nos presentear com está maravilha! Obrigada

  42. Belíssima matéria. Belíssimas fotos. Belíssima natureza. Parabéns!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*