Combatendo a celulite

Uso de preenchedores, radiofrequencia, infravermelho e ultrassom no tratamento da celulite serão alguns temas abordados no XXII Congresso Brasileiro de Cirurgia Dermatológica

A celulite é um problema estético que atinge cerca de 90% das mulheres a partir da adolescência, sendo uma das reclamações mais frequentes nos consultórios médicos. Seu aparecimento está ligado a diferentes fatores, como predisposição genética, hormônios, alimentação e sedentarismo. As mulheres desejam eliminar definitivamente a aparência de ‘casca de laranja’, depressões e ondulações que a celulite deixa na pele. Mas, transformar esse desejo em realidade tem sido possível com a união de tratamentos estéticos de última geração, cosméticos e mudanças de hábitos e estilo de vida.

Inovações em procedimentos e técnicas para combater a celulite serão apresentados durante o XXII Congresso Brasileiro de Cirurgia Dermatológica, que acontece entre os dias 21 e 25 de abril de 2010, no Centro de Convenções Sulamérica, na cidade do Rio de Janeiro (RJ), organizado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica.

Entre as novidades destaca-se o uso de substâncias preenchedoras para “tapar” as depressões (“furinhos”) da celulite; aparelhos que associam em um único tratamento Radiofrequência, Infra-vermelho e vácuo, que melhoram a drenagem,  estimulam o colágeno para firmar a pele e diminuem a gordura localizada; e o ultrassom que quebra gordura e melhora a celulite.

A Dra. Paula Belloti (CRM 5261036-1 RJ), membro efetivo da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica, da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Société Française de Dermatologie, que dará o curso “Manejo da celulite com tecnologias” nesse congresso, ressalta que entre os dermatologistas existe um grande interesse em compartilhar as experiências no consultório envolvendo o uso de técnicas combinadas para tratar o caso especifico de cada paciente.  “Neste curso o foco será nas atuais tecnologias básicas para manejo de celulite, como Velashape Plus, Smooth Shapes e Accent Uniform. Pontos como a associação de tratamentos, como abordar os diferentes graus de celulite, a influência dos hábitos alimentares, também farão parte de uma abordagem global, que não se restringirá a um tipo de paciente ou terapia específica”, finaliza a médica dermatologista.

Outro curso que integra o programa do congresso é “Celulite – Demonstração de Técnicas e Resultados”, que será ministrado pelo Dr. Guilherme Olsen de Almeida (CRM-SP 94411), membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica e dermatologista do Hospital Sírio Libanês, que abordará a evolução nos cosméticos e mostrará as tecnologias de Radiofrequência, infravermelho e ultrassom, que podem ser usadas de maneira isolada ou combinada para tratar a celulite, entre outros pontos. 

“Uma das maiores novidades é a subcisão – técnica que usa uma agulha especial  para cortar os septos fibrosos que causam celulite avançada – associada ao preenchimento com ácido hialurônico, algo bastante recente. Esta técnica promove a “quebra” da fibrose decorrente do processo oxidativo relacionado à alimentação inadequada, refrigerantes, cigarro, etc. Anteriormente, preenchia-se a depressão resultante com sangue, mas o risco de pigmentação era elevado. Hoje, usa-se o ácido hialurônico para fazer o preenchimento, com menor risco de hematoma e pigmentação”, completa Dr. Guilherme Olsen.

Serviço:
Evento: XXII Congresso Brasileiro de Cirurgia Dermatológica
Data: 21 a 25 de abril de 2010
Local: Centro de Convenções Sulamérica
Endereço: Av. Paulo de Frontin I, Cidade Nova – Rio de Janeiro/RJ
Inscrições on line: HTTP://www.sbcd.org.br/riodejaneiro2010
Informações: riodejaneiro2010@sbcd.org.br

Sobre a Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD)

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD), fundada em 1988, tem como objetivo o incentivo ao ensino, estudo, aprimoramento e pesquisa na área de cirurgia dermatológica e procedimentos afins.

A SBCD procura contribuir, no sentido de defender os interesses da cirurgia dermatológica e de seus associados, sempre que solicitada.

A SBCD procura auxiliar na definição de atos e procedimentos dermatológicos; na delimitação de área de atividade do dermatologista e outros assuntos relacionados á cirurgia dermatológica sempre em conjunto e concordância com a Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Perfil dos médicos

Dra. Paula Bellotti é dermatologista formada em Medicina pela Universidade Federal Fluminense (UFF), pós-graduada em Dermatologia Clínica e Cirúrgica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). É membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD) e da Société Française de Dermatologie (SFD).

Dr. Guilherme Olsen de Almeida é dermatologista doutorando pela McGill University, em Montreal, no Canadá. Dermatologista do Hospital Sírio Libanês, é membro da SBCD, da Sociedade Brasileira de Dermatologia e fellow da Academia Americana de Dermatologia.

About Dina Barile

Recebi o título de Doutora em Viajologia, depois de viajar por 134 países e pisar em todos os continentes. Sou a primeira e única mulher brasileira a ter estado na ESTRATOSFERA. Experimentei a Culinária de todos os países por onde passei. Expert nos temas Turismo, Gastronomia e Beleza, convido todos os leitores para um Passeio Turístico e Gastronômico por todos os Continentes.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*