Trezentos anos de fé são a inspiração para o livro “Nossa Senhora Aparecida”

Prestes a completar o jubileu de 300 anos de sua aparição, Nossa Senhora Aparecida representa a grande devoção do povo brasileiro. Padroeira do país e protetora das grávidas, dos recém-nascidos, dos rios e mares, do ouro e do mel, sua imagem foi resgatada do fundo do rio Paraíba do Sul por três pescadores. Ao lançar a rede na água, Domingos, João e Felipe não encontraram animais, mas o corpo de uma santa. Logo em seguida, recuperaram a cabeça. Este foi o prelúdio para que os peixes, até então desaparecidos do rio, surgissem em abundância.

Negra, esculpida por um artista desconhecido e com pouco mais que 35 centímetros, a imagem de Nossa Senhora carrega muito simbolismo. A fé na Virgem Aparecida começou em Guaratinguetá, interior de São Paulo, e se espalhou rapidamente. O que antes era apenas um pequeno altar na casa de um dos pescadores logo virou uma capela. E os relatos de milagres atribuídos à santa nunca pararam de chegar.

Aos poucos, o povoado que cresceu ao redor da igreja de Nossa Senhora Aparecida se emancipou, dando origem à cidade que leva o nome da Virgem. Em 1955 iniciou-se a construção de uma nova basílica. É neste atual templo, considerado o maior do país e um dos maiores do mundo que, anualmente, milhões de pessoas visitam para pedir e agradecer.  São três séculos de graças alcançadas, muitas delas expostas através de cartas, placas e velas em uma sala do Santuário.

Em “Nossa Senhora Aparecida”, Ricardo Marques conta, com base em entrevistas e pesquisas, a história da devoção a esta santa brasileira. Ele reúne mais de duzentos relatos de fiéis e percorre trezentos anos de milagres atribuídos à Virgem Aparecida.

Ricardo Marques é jornalista e editor. Nasceu em Catiara, Minas Gerais e mora em São Paulo. Trabalhou em jornais, revistas e editorias. É autor e editor de vários livros. Pela Record, publicou Luan Santana, a biografia.

 

Facebooktwittergoogle_plusmail

About Dina Barile

Recebi o título de Doutora em Viajologia, depois de viajar por 127 países e pisar em todos os continentes. Sou a primeira e única mulher brasileira a ter estado na ESTRATOSFERA. Experimentei a Culinária de todos os países por onde passei. Expert nos temas Turismo, Gastronomia e Beleza, convido todos os leitores para um Passeio Turístico e Gastronômico por todos os Continentes.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*